Furacao.com
Notícias

Brasileiro | domingo, 26 de novembro de 2017, 19h07

Desânimo total

Por: Furacao.com

Foto Destaque

Atlético perdeu a chance de conquistar uma vaga na Libertadores [foto: Mauricio Mano/site oficial]

O Atlético perdeu para o Avaí por 1 a 0 e praticamente encerrou as esperanças de ir para a Libertadores no ano que vem. O time teve uma atuação sonolenta, preguiçosa e sem a ambição de uma equipe que almeja algo maior para a próxima temporada. O gol dos catarinenses foi marcado pelo ex-lateral da Seleção Brasileira Maicon, no primeiro tempo. O resultado deixa o Furacão com 48 pontos, na décima segunda colocação. O encerramento da temporada acontece no próximo domingo, na Arena, contra o Palmeiras, às 17h.

Os primeiros minutos do primeiro tempo já indicavam que o Atlético não tomaria uma postura de time que luta por uma vaga na Libertadores. Sonolento e sem sintonia, o time não conseguia tocar a bola para chegar com perigo ao ataque do Avaí e os atletas eram desarmados facilmente pelos adversários. Em uma destas roubadas de bola os mandantes chegaram ao gol. Aos 15 minutos, Maicon roubou a bola no meio, tocou para Pedro Dutra que devolveu, na entrada da área, para o lateral completar no ângulo direito de Weverton. Após o gol, o Furacão não mudou de postura, continuou previsível e só conseguiu assustar aos 20 minutos, quando Coutinho cabeceou dentro da pequena área, mas o goleiro Douglas, do Avaí, estava perto da bola e conseguiu defender. Até o apito do árbitro para o intervalo, foi só.

O Atlético bem que tentou mudar um pouco a postura na segunda etapa, mas não teve muito sucesso em suas investidas. Uma rara oportunidade apareceu para a equipe, aos 15 minutos, quando o zagueiro Alemão atropelou Sidcley dentro da área, após se atrapalhar em uma dividida. O arbitro marcou pênalti e Fabrício foi para a cobrança. Na hora do arremate, o lateral isolou para fora e desperdiçou a melhor chance da equipe na partida. Sem muitas outras oportunidades, o time ficou engessado no meio de campo e o Avaí, desesperado na tabela, não fez mais questão de se lançar ao ataque e resolveu segurar o resultado.


DESTAQUE NEGATIVO: Má vontade generalizada, jogadores apáticos e cobrança de pênalti horrorosa do lateral Fabrício.

OS GOLS
Avaí - 15’/1º: Maicon - O lateral recebeu dentro da área para completar direto no ângulo direito de Weverton.



PRÓXIMOS JOGOS: Palmeiras (casa).

Campeonato Brasileiro - (26/11/2017) – Avaí 1 x 0 Atlético
L: Ressacada; H: 17h00; A: Wilton Sampaio (GO) CA: Pedro Castro e Betão; PP: não divulgado; PT:R: R 227.020; G: Maicon, aos 15’ do 1°.

AVAÍ: Douglas; Maicon, Alemão, Betão e João Paulo; Judson; Pedro Castro, Marquinhos (Romulo 80’) e Maurinho (Leandro Silva 83’); Luanzinho e Lourenço (Simião 70’). T: Claudinei Oliveira.

ATLÉTICO: Weverton; Jonathan, Thiago Heleno, Paulo André e Fabrício; Pavez (Sidcley 45’), Lucho González (Eduardo Henrique 13’), Matheus Rosseto, Pablo e Lucas Fernandes (Felipe Gedoz72’); Douglas Coutinho. T: Fabiano Soares.


Facebook  

Matéria do site Furacao.com:
http://www.furacao.com/materia.php?cod=49399

© Furacao.com. Todos os direitos reservados. Reprodução permitida desde que citada a fonte.

Desde 1996 - Furacao.com - Site 100% não oficial - Agência Active