Furacao.com
Notícias

Brasileiro | domingo, 25 de junho de 2017, 17h55

Atropelando!

Por: Thays Kloss (Furacao.com)

Foto Destaque

Nikão entrou aos 30' e repetiu atuações que vem fazendo, jogando bem e marcando um dos gols. [foto:

Fazendo a segunda partida seguida em casa, o Atlético enfrentou o Vitória nessa tarde de domingo (25) buscando a segunda vitória na Arena. Apesar de ter levado gol aos 16 minutos, o Furacão não recuou e dominou a partida metendo 4 a 1, de virada, no time baiano. Com essa importante vitória, o Rubro-Negro começa a se recuperar como mandante e no Brasileirão.

Primeiro tempo agitado

As duas equipes começaram o jogo com bastante movimento. Aos quatro minutos o Vitória já partiu em velocidade com Neilton para deixar Gabriel Xavier de cara com o gol. O chure saiu cruzado e bola foi para a linha de fundo. Logo depois, aos sete minutos, Lucho errou o domínio da bola no meio do campo e cedeu a bola para o Vitória. Yago fez passe pelas costas da defesa para Kieza, que chutou e sobrou para Weverton defender.

Já aos 10 minutos, foi o a vez do Atlético tentar o gol, com Otávio roubando a bola no meio-campo e acionando Éderson. O atacante fez jogada invadindo a área e chutou cruzado para o goleiro Fernando Miguel defender. Nos minutos seguintes o Furacão ainda tentava balançar as redes, obrigando a defesa do vitória a tirar a bola a qualquer custo. Aos 13 minutos, Douglas Coutinho se atirou em velocidade ganhando dos rivais, mas a bola correu demais e saiu pela lateral.

Já aos 16 minutos foi a vez do Vitória tentar contra-ataque e coube a Lucho González parar a jogada entrando de carrinho para cima de Neilton e marcando falta na entrada da área. Batendo com muita categoria, o zagueiro Fred abriu o placar para o time baiano sem chances para a defesa.

Depois de sofrer o gol, o Vitória se fechou e ficou mais na defesa, dando espaço e campo para o Atlético trabalhar, mas o Rubro-Negro não conseguiu achar espaço na marcação a aposto mais em bolas altas. Aos 24 minutos, Rossetto cobrou falta na direção da área e Wanderson subiu mais que os outros jogadores, mas o cabeceio foi fraco e a bola ficou com o goleiro. Já aos 25 foi a vez de Otávio arriscar batendo a bola de longe, mas mais uma vez para Fernando Miguel defender.

Sentindo o desgaste e uma lesão na coxa, Lucho González deixou o campo aos 27 minutos para ser atendido e foi direto para o vestiário, sendo substituído por Nikão. Aos 33, o atacante Kieza puxou Matheus Anjos e a falta foi cobrada na área do Vitória, mas a defesa afastou. No rebote, Éderson tentou cruzar, mas os zagueiros adversários afastaram a bola a qualquer preço.

Com o Atlético tentando jogadas, o Vitória fez mais faltas. Aos 39, Patric recebeu cartão amarelo por falta em Éderson, que se preparava para receber lançamento de Otávio. Na cobrança da falta, Matheus Anjos bateu com força, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Mas o Furacão ainda queria reagir. Nikão quase empatou aos 42 ao receber bola na área, se livrar da marcação e chutar forte, mas o goleiro mandou a bola para escanteio. E foi na cobrança de escanteio que o gol saiu. Nikão mesmo cobrou e Fernando Miguel saiu errado para Wanderson cabecear livre e marcar.

Segundo tempo avassalador

O segundo tempo começou a toda velocidade. Logo aos dois minutos, Neilton entra na área e recebe a marcação de Thiago Heleno. Caindo no gramado, o atacante fica pedindo pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir. Um minuto depois, o zagueiro Kanu recuou a bola de cabeça para o goleiro, mas não viu Éderson, que quase pegou a bola para ampliar.

O Atlético começou a dominar o jogo e aos seis minutos deu trabalho para o goleiro Fernando Miguel. Sidcley cruzou a bola para a área, Nikão dominou e chutou forte no canto, mas o arqueiro defendeu. Já aos oito minutos não teve chance, mais uma vez Sidcley começou uma grande jogada, passando para Nikão cortar a marcação e chutar de novo no canto para ampliar o placar.

Tentando o contra-ataque, o Vitória chutou na entrada da área e Weverton defendeu no susto. Dois minutos depois, o Atlético mostrou ao que veio. Sidcley passou para Doulas Coutinho nas costas da defesa, atacante cruzou para Éderson, que estava de frente pro gol e finalizou sem marcação para virar o jogo de vez e fazer o terceiro.

O Vitória, tentando ainda reagir, aproveita rebote da defesa do Weverton, mas Patric manda a bola por cima do gol. Muito nervoso, o time baiano começa a errar jogadas e não tem mais a organização do início. E o Atlético aproveita e aos 25 minutos tenta mais um. Nikão recebeu na área, tirou a marcação e passou para Éderson, mas o chute sai na trave. Aos 29 foi Kieza que quase diminuiu ao receber a bola na entrada da área e chutar de bico, passando bem perto do gol.

O Furacão continuou atropelando, aos 34 Douglas Coutinho deu mais uma das suas arrancadas, mas falhou ao dominar e deixou a bola para o goleiro. Um minuto depois o gol veio. Matheus Rossetto arriscou de longe e acertou uma bomba, pra finalizar a goleada.

Com mais três pontos, o Atlético sobe para o 11° lugar com 14 pontos.

REDENÇÃO: Time todo muito bem organizado, fazendo sua melhor partida no campeonato até agora. Jogadores marcando bem, deixando os atacantes livres e bem posicionados. Equipe conseguiu se redimir com a torcida depois da péssima atuação contra o São Paulo.

GOLAÇOS DA PARTIDA
0x1 - 16’/1º: Fred - Lucho dá carrinho em Neilton. Na cobrança da falta Fred manda um chute no canto do gol, sem chances de defesa.

1x1 - 43’/1º: Wanderson - Nikão cobra escanteio, Fernando Miguel sai errado do gol e Wanderson cabeceia livre.

2x1 - 08’/2º: Nikão - Sidcley faz a jogada e passa para Nikão cortar a marcação e chutar no canto.

3x1 - 11’/2º: Éderson - Doulas Coutinho passa pelas costas da defesa e cruza para Éderson colocar no gol sem marcação.

4x1 - 35'/2º: Matheus Rossetto - Volante arriscou de longe e mandou uma bomba bem no ângulo.



PRÓXIMOS JOGOS: Grêmio (fora/Copa do Brasil), Sport (fora/Brasileiro) e Santos (casa/Libertadores).

Campeonato Brasileiro - (25/06/17) - Atlético 4 x 1 Vitória
L: Arena da Baixada; H: 16h00; A: Rodrigo Batista Raposo (DF/CBF) CA: Kieza, Geferson, Patric CV: não houve; PP: 15.770; PT: 17.784; R: R$ 214.810,00; G: Fred, aos 16’ do 1º; Wanderson, aos 43' do 1º; Nikão, aos 08' do 2º; Éderson, aos 11' do 2º; Matheus Rossetto, aos 35' do 2º.

ATLÉTICO: Weverton; Cascardo, Wanderson, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Matheus Rossetto, Lucho González (Nikão 29') e Matheus Anjos (Deivid 78'); Douglas Coutinho e Éderson (Grafite 76'). T: Eduardo Baptista.

VITÓRIA: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Fred (Ramon int.) e Geferson; Willian Farias, Uillian Correia, Gabriel Xavier (Paulinho 67') e Yago; Neilton (David 59') e Kieza. T: Alexandre Gallo.



Facebook  

Matéria do site Furacao.com:
http://www.furacao.com/materia.php?cod=49046

© Furacao.com. Todos os direitos reservados. Reprodução permitida desde que citada a fonte.

Desde 1996 - Furacao.com - Site 100% não oficial - Agência Active