Furacao.com
Notícias

Libertadores | quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017, 23h48

CLASSIFICADO!

Por: Furacao.com

Foto Destaque

Lucho fez o gol que garantiu a vaga [foto: CONMEBOL]

"Libertadores, estamos chegando! Meu Rubro-Negro, seremos campeões!". Pode comemorar, torcedor atleticano! Foi tenso, com muita dose de emoção e drama, mas o Atlético venceu o Deportivo Capiatá por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, em Assunção, e selou a classificação para a fase de grupos da Libertadores da América 2017. O gol salvador foi marcado por Lucho González, aos 11 minutos do primeiro tempo, finalizando na pequena área após escorada de Paulo André.

Com a vitória, o Atlético carimba a vaga para a fase de grupos da Libertadores e integra o Grupo 4, junto com Flamengo, San Lorenzo e Universidad Católica. Embalado com as classificações fora de casa sobre Millonarios e Capiatá, o Furacão estreia na próxima fase no dia 07 de março, contra o Universidad Católica, às 21 horas, na Arena da Baixada.

Mas antes de comemorar a classificação, o torcedor atleticano sofreu. Precisando vencer fora de casa após o empate em 3 a 3 na Arena, o Atlético iniciou o jogo pressionando o Capiatá e chegou ao gol muito cedo: aos 11 minutos, Nikão cobrou o escanteio, Paulo André escorou e Lucho mandou para o fundo das redes.

Foi a senha para o repertório de sufoco entrar em cena. O Capiatá insistia nas bolas levantadas na área e levava perigo, que só não foi maior pela atuação segura de Paulo André e Thiago Heleno na defesa e também de Weverton, que mais uma vez executou alguns milagres e salvou o Furacão.

No final do jogo, o Atlético ainda quase ampliou no contra-ataque, aos 43', no chute de Gedoz. E aos 48', Pérez cabeceou bem e Weverton fez a defesa da classificação atleticana.

O CARA: Era só um golzinho que o Atlético precisava. E se missão dada, é missão cumprida, o argentino Lucho González tratou de garantir o sorriso do torcedor atleticano. Aos 11 minutos, após uma cobrança de escanteio, fez seu primeiro gol com a camisa rubro-negra - e o mais importante até aqui no ano.

MELHOR DEFESA DO BRASIL: Se lá na frente o gol saiu rápido, lá atrás Weverton, Paulo André e Thiago Heleno armaram um bloqueio ao ataque aéreo do Capiatá, que tentou, mas não conseguiu furar a melhor defesa do Brasil.

O GOL
0x1 - 11’/1º: Lucho González - Após a cobrança de falta de Nikão, Paulo André escorou de cabeça na pequena área e a bola sobrou para Lucho mandar para o fundo das redes.



Libertadores da América - (22/02/17) – Deportivo 0 x 2 Atlético
L: Lic. Erico Galeano Segovia; H: 21h45; A: Néstor Pitana (ARG) CA: Grafite, Lucho González, Pablo, Carlos Alberto, Nikão, Weverton (A) e Alexis González, Julio Irrazábal (D); CV: não houve ; PP: não divulgado; PT: não divulgado; R: não divulgada; G: Lucho González,, aos 11' do 1º.

DEPORTIVO CAPIATÁ: Bernardo Medina; Carlos Bonet, Ramón Ortigoza, Néstor González e Cristian Martínez (Cristian López); Gustavo Noguera (Dante López 54’), Eduardo Ledesma, Alexis González e David Mendieta (Dionisio Pérez 32’); Julio Irrazábal e Roberto Gamarra.. T: Diego Gavilán.

ATLÉTICO: Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio e Lucho González (Wanderson 61’); Pablo, Carlos Alberto (Felipe Gedoz 64’) e Nikão; Grafite (Luis Henrique 36’) . T: Paulo Autuori.


Facebook  

Matéria do site Furacao.com:
http://www.furacao.com/materia.php?cod=48612

© Furacao.com. Todos os direitos reservados. Reprodução permitida desde que citada a fonte.

Desde 1996 - Furacao.com - Site 100% não oficial - Agência Active